3 de abr de 2009

Gmail completa 5 anos

Parabéns ao Google.
Mais um ótimo produto, esta completando 5 anos.

1º de abril de 2009 - Há exatos cinco anos, o Google apresentava ao mundo a sua visão de webmail gratuito. E era muito diferente de tudo o que se estava acostumado na época.

A primeira - e mais impactante - diferença foi o tamanho da caixa postal disponível: 1GB. Muitos até acharam que se tratava de uma bricadeira de primeiro de abril, já que era difícil imaginar tanto espaço disponível gratuitamente.

A novidade trazida pelo Google mudou os parâmetros no mercado e aumentou consideravelmente o espaço para armazenamento em grande parte dos concorrentes. Ainda assim, até hoje nenhum bate o espaço do e-mail do Google, que atualmente ultrapassa os 7 GB.

Mas o tamanho não foi a única novidade. Além de "nunca mais ter de apagar um e-mail", outro slogan do serviço do Google era "sempre encontrar, rapidamente, qualquer mensagem em sua caixa". E a pesquisa nos e-mails continua sendo uma das funções mais interessantes e eficientes do serviço, especialmente por usar toda a experiência e tecnologia da empresa na área de busca.

Outra função que torna o Gmail diferente dos demais webmails é o agrupamentos de conversas por assunto. Apesar de elogiado por grande parte dos usuários do serviço, este é um dos recursos mais controversos, tornando-se inclusive uma barreira para que algumas pessoas utilizem-no.

Ainda recém-lançado na versão web, o Gmail ganhou sua versão para celular nos Estados Unidos já em 2005. E as inovações continuaram, seguindo o conceito pregado pela companhia ao manter, até hoje, a classificação de "beta" para o e-mail.

No início de 2006, os assinantes puderam começar a usar uma ferramenta de chat para conversar com seus contatos na própria página do webmail - criando como uma versão web embarcada do serviço de mensagens instantâneas Google Talk, lançado em agosto de 2005.

Alguns meses mais tarde, o Gmail alcançou a marca de 40 línguas nas quais estava traduzido - incluindo o portugues brasileiro.

Em maio de 2008, uma das últimas grandes novidades do serviço de e-mail do Google foi a criação do Gmail Labs. Trata-se de um centro para download de aplicativos capazes de dar novas funções, úteis ou divertidas, ao webmail (e que, eventualmente, podem virar ferramentas-padrão). Até o final de março disponível apenas para usuários de contas configuradas em inglês, o serviço já está disponível em outras 42 línguas, entre elas o portugues.


Gmail em números
Em 2004, experimentar todas as novas ferramentas trazidas pelo Gmail era luxo para poucos - o serviço só estava disponível mediante convite. A restrição, que fez algumas pessoas pagarem algumas centenas de reais por um convite, só terminou em 14 de fevereiro de 2007.

A partir de então, o serviço vem crescendo a taxas significativas. De acordo com um estudo da comScore, o Gmail apresentou aumento de 43% no número de usuários em 2008, chegando a cerca de 30 milhões de assinantes.

Enquanto isso, o Hotmail, da Microsoft, apresentou queda de 5%. Mesmo assim, continua à frente do concorrente, com 43,5 milhões de usuários e ocupando a terceira posição entre os webmails gratuitos mais utilizados.

Na segunda posição, de acordo com a pesquisa, está a AOL (extremamente popular nos EUA), com 46,6 milhões de assinantes. A liderança ainda fica nas mãos do Yahoo, com seu YahooMail, que tem mais de 90 milhões de usuários.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou desta dica? Divulgue para seus amigos. Envie suas sugestões. Nos envie informações para melhorar ou ampliar esta dica. Esperamos sua participação.